Aprenda a ativar a glândula pineal

Ativar a glandula pineal

APRENDA A ATIVAR A GLÂNDULA PINEAL ATRAVÉS DOS SONS E MEDITAÇÃO

“Todos os seres e coisas do universo possuímos dentro de nós o éter ou essência do criador, que aparece quando já nos harmonizamos com os quatro elementos: terra, agua, ar e fogo.”

Antes de falar da meditação e ativação da Glândula Pineal se tem que ENTENDER a Energia Escalar e saber o porquê estamos ouvindo esses sons, para estimular essa Glândula e como funciona essa energia que vem sendo estudada cada vez mais pelos cientistas, como foi no passado Nikola Tesla

Nós temos que criar nossas próprias realidades, e graças a um médico radiologista e pesquisador independente espanhol (J. Piquet) que há anos vem investigando e pesquisando sobre o que ele chama de ENERGIA ESCALAR, podemos ter dados, teorias e hipóteses sobre a energia escalar através dos sons e seus efeitos na glândula pineal  e qual dessas Ondas/frequências é mais efetiva para nós.

Na antiga Grécia se considerava que existiam quatro elementos terrestres: ar, agua, terra e fogo. Havia um quinto elemento, a matéria que estavam feitas as estrelas. Este quinto elemento, quinta essência ou éter, era incorruptível e eterno. Ao largo da história aparece proposto em vários sistemas filosóficos com distintas formas e Piquet conta que a energia escalar teve muitos nomes, e sempre estão inventando novos, que só serviu pra criar confusão.(energia radiante, Orgone, chi, ki, prana, energia cósmica…..é tudo a mesma coisa)

Energia Escalar é a energia vital que nos rodeia e está em todos os seres vivos, plantas, animais, pessoas, minerais, ar. Está em todas partes. Também é conhecida por Éter(palavra que provem do latim æthēr e esta do grego αἰθήρ (aithēr), céu, firmamento).

O conceito do éter merece um comentario especial no âmbito a partir do qual se cria toda a matéria, e no que toda a matéria se resolve. O éter é paradoxo: existe e ao mesmo tempo não existe. É a fonte de todos os demais elementos, o depósito da energia criativa do universo, mas não interatua com os demais elementos, mas aparece ao harmonizar os quatros elementos e vem sendo um quinto elemento mais sútil.

A principal qualidade do éter é o som, término que aqui implica os ultra sons, os audíveis, os raios UV, X, Gamma, os micro-ondas e a radiação cósmica. Somente as vibrações mais lentas e de frequência mais baixa podem passar pelas substancias mais densas, como a terra, mas todas as mencionadas vibrações o podem fazer através de akash.

A Energia Escalar é uma energia que será muito importante para humanidade nos anos vindouros, vamos entendê-la melhor, comparando com a eletromagnética. Já que, a Energia Escalar é o OPOSTO a uma Energia Eletromagnética.

Por exemplo:

A ENERGIA ELETROMAGNÉTICA é bipolar, tem dois polos: o positivo e negativo, tem magnetismo, é uma energia que vai de dentro para fora, a energia elétrica normal funciona com elétrons.

Enquanto a ENERGIA ESCALAR é Neutra, não tem nenhuma polaridade, por isso a chamam de energia PONTO ZERO, porque tem 0,0 magnetismo. Não funciona com elétrons e sim com ÉTER ou como alguns cientistas identificam como neutrinos. Os neutrinos são as ondas escalares, o Éter ou Orgone como dizia Wilhelm Reich, onde demostrou que efetivamente é uma onda escalar. (Wilhelm Reich afirmou que a energia Orgone é omnipresente)

energia eletromagnética é limitada, é uma energia que gera e se vai destruindo e escalar é todo o contrário é INFINITA, nunca se esgota!

Energia escalar interatua com a energia eletromagnética, digamos que o Planeta Terra e o universo é como um sistema misto que funciona com estas duas energias escalarmente e eletromagneticamente, como o nosso corpo que também tem propriedades eletromagnéticas e tem propriedades escalares.

Para entender melhor, a ENERGIA ELETROMAGNETICA é uma energia de 3D. de 3ª dimensão.

E a energia escalar atuaria por encima desta dimensão, que seria de 4D ou 4ª dimensão,

Essa energia interatua, junto com a eletromagnética, mas não a podemos ver como a elétrica, como essa emite muita luz ou energia que emite eletromagnetismo impede ver o que está “atrás”. Atua ao mesmo tempo de forma dissimulada.

O primeiro que descobriu ENERGIA ESCALAR foi Nikola Tesla, que a chamava de energia radiante. Nikola Tesla na verdade, foi o único a demonstra-la e quem conseguiu condensa-la, embora “alguns” cientistas sabia de sua existência. Na tecnologia se conseguiu lograr concentrar isolando o campo magnético, mediante diferentes métodos e então se concentra em um ponto, um foco o campo escalar.

Enquanto que a energi a escalar é uma energia que está no ambiente funciona de fora para dentro ao contrário a energia eletromagnética, é uma energia que sai de dentro pra fora, e está presente no nosso corpo, por isso podemos entender o porquê de influenciar nas outras pessoas quando estamos nervosos ou alterados, essas energias ruins que influencia as pessoas que estão próxima de ti por isso o importante de manter uma “boa onda”.

Voltando a energia que nos interessa aqui a Energia Neutra a ENERGIA ESCALAR que quebrará o sistema, será a Energia Livre. É uma energia que vem de FORA para dentro.

Utilizada a nível terapêutico, ELA ALIMENTA, também pode ser feita por um ser humano, não somente por lâmpadas, um exemplo são os especialistas em REIKI e das “CURAS ZEN” através das mãos, esses especialistas pegam a energia Escalar, o éter, prana(invisível aos nossos olhos) para ser como um  canal e se “encher” dessa força curadora invisível que ele transmite para o paciente. Igualmente, para fazer curas como reiki e receber essa energia se tem que estar preparado com os chakras desimpedidos e muita meditação.

De forma industrial essa energia terá que ser colhida e condensada num retro condensadores para logo retroalimentar um circuito que recebem essas ondas para então poder ser transmitida.

Existe muita informação sobre isso de estudiosos de energia Livre, que confirmam que os Neutrinos são Ondas ESCALARES

http://elblogdejoaquinpiquer.blogspot.com.es/2015/09/la-energia-escalar.html    -segredos da energia escalar com J. Piquet – em espanhol – ele explica exatamente o que é energia escalar e cita seus pesquisadores e coisas parecidas a ciência ficção.

Oque tem a ver essa energia Escalar ou Éter com as ONDAS Escalares pra desenvolver a glândula pineal??

Essa energia tem capacidade de energia infinita e também capacidade terapêutica e podemos no futuro falar de muitas outras fontes como viajar no espaço/tempo.

Como Terapia, pode ser usada para a mente ou como ajuda para chegar ao ponto zero. O corpo humano tem sistema de capas, capas de forma natural condutoras e isolantes oque faz esses sistemas de capas acumular orgone(escalares). O esqueleto humano é isolante, os tecidos são condutores. De forma natural está desenhada pra atrair essa forma de energia, além da magnética como já foi dito.

A GLÂNDULA PINEAL está localizada no centro da nossa cabeça. Para ela funcionar como deveria em máxima eficiência, primeiro é a escuridão, a meditação ajuda e as PLANTAS ADAPTÓGENAS do país que vive. Porque são plantas que te ajudam a centrar os extremos emocionais, te neutraliza.

ESTIMULAR A GLÂNDULA PINEAL

ESTIMULAR A PINEAL pode despertar algumas faculdades que estavam dormidas e esses sons podem ajudar nessa tarefa. Trata até de uma ajuda para descalcificá-la, já que é como fazer exercício físico que te desenferruja.

Esse medico radiologista, juntamente com outros engenheiros e expertos de som resolveu misturar energia escalar com glândula pineal. Através da vibração do som se pode comprovar qualidades espaço-temporais e com as propriedades da energia escalar adaptadas ao som. Onde ele chama de efeito de energias contrarias, frequências ou Notas opostas a outras, como por exemplo o choque de energias opostas provoca uma Terceira, e essa terceira é a energia neutra.

Na experiência chegaram a conclusão em sito experimentando com caixas acústicas cobertas com plástico e grãos de açúcar e a conclusão é que algumas notas davam o efeito de expansão outras notas de atração.  A partir daí, puderam fazer umas bases de sons em função dessas duas energias contrarias para atrair e expandir.

Também buscaram uma base de som que fosse perfeita provando em vários formatos de áudio, sendo o wav um formato que não fragmenta e não fracciona como o mp3, não teve o mesmo efeito que o som escutado em toda sua amplitude. O Youtube também fracciona o som e não tem o mesmo efeito que sons escutados em disco antigos por exemplo.

Com os sons editados e concluídos teve um grupo de pessoas que experimentaram escutar diariamente esses sons escalares. Pois, essa pesquisa já dura algum tempo e com resultados surpreendentes, mas com algo que se pode comprovar.

As pessoas que vem provando escutar dão mais veracidade a esses efeitos que produz tais sons quando são realizados dentro das pautas estabelecidas.

Foram diferentes aplicações que se foram concluídas depois de um tempo de pratica.  Os benefícios são em vários níveis; tem efeito terapêutico sobre a dor e as dores persistentes, como as dores crônicas, também começa a ter mais sonhos lúcidos com mais frequência, viagens astrais, como ativar a memória, com desbloqueio de recordações de infância que se foram esquecidas, diminuição do apetite, juntamente com um melhor rendimento físico e mais energia, mais conexão com a natureza, arvores e plantas. Algumas pessoas começaram a ouvir uma música clássica do nada, algo harmonioso, alguns sentidos se tornam mais agudos, como o olfato, assim que comenta que pode também exercer algum tipo de estimulo neuronal como outras partes do cérebro.

Todos efeitos são comentados no site ou em seus vídeos.

https://www.youtube.com/watch?v=uBuU1AQlEg0

Como fazer:

É importante escutar durante 15 minutos todos os dias preferentemente às escuras, (que é quando mais funciona a glândula pineal), mas pode ser a qualquer hora do dia. No decimo ao quinquagésimo dia as pessoas mais sensíveis notarão os efeitos. Se pode escutar com ou sem fone de ouvido. Para ter resultados não seria escutar um dia, deixar e voltar, para ter resultados necessita a constância.

Alguns desses resultados são de pessoas que tiveram a frequência de quatro/cinco meses de pratica ouvindo esses áudios todos os dias. Sua pesquisa reporta estritamente mês a mês os avanços dessa pratica de pessoa para a pessoa, enquanto ele pessoalmente leva mais de dois anos de pratica e seus resultados.

É importante frisar que não tem efeitos colaterais, mas os sintomas variam de pessoa para a pessoa, porque cada um tem o seu particular resultado. As vezes ao iniciar essa pratica, existe um período de adaptação e se pode sentir algum sintoma como náuseas e tonturas, coisa que não será ruim e se é perseverante desaparecerá na segunda ou terceira vez que se escuta até que a pineal se adapte a esta vibração, mas se continuar com esses sintomas é melhor deixar uns dias sem escutar e logo voltar a provar. Geralmente é raro mas pode acontecer.

Se sentir cômodo pode escutar mais que 15 minutos, mas esse é o tempo que se deve ser feito ao dia.

Esse trabalho está bem explicado na sua página Web, e os enlaces do áudio também está disponível para descarregar de forma gratuita. Além disso, ele pede que anote as informações diariamente dos efeitos e sensações, até um mês, como um diário. Se quer fazer parte da sua pesquisa pode escrever pessoalmente a ele.

Site para descarregar os arquivos em formato WAV, são 4 áudios em frequência de 440hz, porque diz ele ser o mais efetivo.

http://elblogdejoaquinpiquer.blogspot.com.es/2015/12/activa-tu-glandula-pineal-con-sonidos.html _áudios descarregar

http://elblogdejoaquinpiquer.blogspot.com.es/2016/07/activacion-pineal-conclusion-final.html _prospecto, conclusão sobre a meditação

informação interessante sobre energia escalar:

http://fusionexcelmexico.blogspot.com.es/2011/07/energia-escalar.html

 

Anúncios

O Campo Magnético humano – aprenda a aumentar

Nosso ser gera campos eletromagnéticos 
Na atualidade, o campo magnético da Terra (a magnetosfera) está sendo altamente monitorada, já que é o escudo que protege a vida no nosso planeta dos raios cósmicos, meteoritos e cometas que poderiam ser letais para nossa vida e de todas as espécies.
Também sabemos que o humano está conectado a vibração da magnetosfera através de nossa glándula pineal, que vibra nas mesmas frequências com que faz o núcleo de nosso planeta, sincronizando nossos ritmos vitais com o da Terra Mae e que o corpo humano também gera sua própria magnetosfera, o campo bio-magnético humano, com vários metros de circunferência onde se vê como a forma de um oito.
Foi nos anos 70 quando se conseguiu fazer o instrumento necessário para medir estes campos, que são bastante sutis onde necessitava de sensores altamente sensíveis para poder registrar e medir suas manifestações.
O corpo humano é um grande campo electromagnético na sua totalidade. É um corpo de energía, a visão como uma estrutura de carne e osso é a representação que faz nosso cérebro dos sinais que recebe nosso aparato perceptual. A forma, a cor, o cheiro e o sabor de nosso corpo, são somente representações virtuais de nosso cérebro destes sinais, da mesma maneira que uma televisão recebe sinais radioelétricas que as transformam nas imagens e sons.
Como estes campos biológicos ou bioplasmáticos são extremadamente tênues, de baixas frequências, (todas as células vivas têm uma carga elétrica entre 70 e 90 milivolts) se mede em Teslas (em honor ao engenheiro Nikola Tesla 1857/1943). O rango de nossos campos magnéticos biológicos é de 10-9T (nanoteslas) até 10-15 T (femtoteslas).
Toda carga elétrica em movimento gera campos magnéticos. No caso da Terra, o principal gerador é o núcleo terrestre, e no nosso corpo, a batida do coração e de todos nossos órgãos.
 
O que ocontece num microscópio: o campo electromagnético de cada célula é também uma barreira de proteção, um escudo como de sua membrana, que defende cada uma de nossas células, fazendo-as “ressonar em harmonia” e aproximando-as a outros micro-organismos ou moléculas que trazem benefícios e rejeitando a outras que poderiam ser destrutivas.
Os iones de potássio e sódio são os que mantem o equilíbrio elétrico da membrana celular. O potássio, desde dentro, se magnetiza com os iones de sódio do exterior da membrana. A diferença entre o potencial elétrico destes íons permite o intercambio de informação entre o interior e o exterior da célula. Quando uma célula perde sua carga elétrica, ou esta é menor a 30 milivolts, morre. Por isso una das formas de detectar doenças, é monitorar as cargas elétricas celulares. Cada célula é uma espécie de pilha elétrica que mantem a energia de nosso organismo.
Do mesmo modo, quando nosso corpo diminui sua carga elétrica geral (a intensidade de seu campo magnético) estamos diante de uma doença. Na medicina chinesa há milênios, estes campos elétricos são tratados na rede de meridianos pelos que circula a energia.
A Terra faz o mesmo com seu campo geomagnético: graças a estas cargas elétricas dança seu baile cósmico no planeta solar, impedindo o passo das radiações cósmicas destrutivas, os meteoritos e os cometas, somente deixando passar as radiações que lhe permitem manter a vida.
 
Como afeta o campo magnético terrestre (magnetosfera) ao nosso organismo 
Entre a magnetosfera e os campos magnéticos de nossos corpos, existe um equilíbrio constante de energia, o que nos mantem vivos e sincronizados, permitindo-nos mudar segundo as circunstancias do cosmos. Quando a Terra tem uma alteração no seu campo magnético, o humano pode sofrer suas consequências. Já em 1976, o Dr. Kioyichi Nakagawa, diretor do Hospital Izusa de Tokio, nos fala da “Síndrome de Deficiência Magnética”, cujos sintomas estão a forte dor de cabeça, uma sensação geral de debilidade, e dores no pescoço, peito, ombros e costas, quando a Terra debilita sua magnetosfera.
Uma das pedras mais utilizadas pelos terapeutas para harmonizar o campo magnético do corpo, é a magnetita. As terapias bio-magnéticas que tem em todo o mundo, não parecem ter a aprovação dos científicos. Se podem encontrar vários artículos e incluso comunicados oficiais como um da Oxford University em que expressa a situação de que nos arquivos de Medline (onde se publicam os artículos estritamente científicos) não existe informação oficialmente aprovada sobre que as terapias de bio-magnetismo tenham aplicações terapêuticas reais. Mas muitos investigadores do campo magnético humano prova a influencia que sofre quando estamos próximos a antenas de telefonia celular e dos aparelhos eletrônicos que estão sempre ligados na tomada de eletricidade.
No próximo máximo solar “obrigará” a Terra a auto regular-se para proteger-se da grande chuva de prótons que está aumentando, cujo máximo espera a NASA que seja de uns 30 a 50% mais potente que os normais.
É uma grande oportunidade para o ser humano, pois ao aumentar o campo magnético terrestre, aumentará o nosso, produzindo (se tudo segue o padrão natural de auto regulação) uma melhor saúde, e um despertar em maior numero de pessoas.
Ac Tah, um descendente do povo maia ensina uma dança que remonta os 3.000 anos, para poder receber e dar energia que está vibrando o universo, juntamente com o alinhamento do centro da galáxia, dos prótons, isso nos fará equilibrar-nos fisicamente e mentalmente, alinhando nossos hemisférios direito e esquerdo e aumentando nosso campo magnético do corpo, automaticamente sintonizando com a Energia da Terra (campo magnético, núcleo), entrando em sintonia direta com a Energia do UM, Porque SOMOS UM, é isso que falta aprender todos. É isso que ensina Ac Tah facebook.com/elcaminantemaya que tudo é energia, que o povo Maia ensina a MANTER essa energia no seu corpo. Pra muitos dançar é diversão, pra eles, é geração e doação de Energia.