Terra Oca e Intraterrenos 3 – Mundos Subterrâneos

“Ao longo de sua história, a humanidade terrena viu modificarem-se inúmeras vezes suas
percepções acerca da vida, do universo e da própria existência da espécie humana.
Mesmo assim, ainda cristalizamos nossas mentes nas verdades apresentadas pelas ciências ou religiões como se fossem absolutas, fechando-nos para a descoberta do novo……uma rápida olhadela pelo mundo nos revela que muito ainda nos falta. Falta-nos o elo de ligação que nos permita compreender, sentir e viver em plenitude, conectados com o movimento cíclico do Cosmos, com os diversos planos de existência, integrados e em harmonia conosco, com nosso próximo e com o universo.”(livro: Cidades Intraterrenas – O depertar da Humanidade)
Mais sobre o assunto da Terra Oca, depois do 1 e o 2, e relembrar alguns autores que citaram essa teoria
, porque através de pesquisa na internet se percebe que esse assunto se falou por muitos autores e cientistas há tempos remotos. No Google se encontra um cronograma dessas publicações que não são poucas!
E quase no final, alguns trechos do livro Cidades Intraterrenas onde se descreve essas Cidades de uma maneira bem interessante onde seus autores através de “Viagens Astrais” conheceram essas Cidades e os Seres que aí vivem, incluindo Cidades subterrâneas que se localizam no Brasil 
super Nova, estrela em formaçao que se vê o "vazio" de dentro

Super Nova, estrela em formaçao que se vê o "vazio" de dentro.

PRINCIPAIS AUTORES QUE FALARAM DOS REINOS SUBTERRÂNEOS

Esses são alguns autores que lembram da possibilidade da existência de Mundos Subterrâneos:

Francis Bacon, na Nova Atlântida fala-nos da Ilha Branca, Morada dos Bem-Aventurados, que teria existido na superfície terrestre mas cujo povo se transferiu para o Interior da Terra aquando da grande catástrofe diluviana há milhares de anos.

Thomas Moore, no seu livro Utopia faz menção a uma região desconhecida com uma Sociedade altamente organizada e liderada pelo Rei Utopos, que bem pode ser o “Rei do Mundo” cuja morada é Shamballah;

Tommaso Campanella, no seu livro a Cidade do Sol aborda temas muito semelhantes aos referidos na Utopia de Thomas Moore;

Júlio Verne, o conhecido autor da Viagem ao Centro da Terra(1864) também fala-nos duma aventura vivida através de uma rede de túneis que levam a lugares desconhecidos no interior do Planeta onde existem espécies vegetais e animais que se julgavam extintos.

Bulwer Lytton, escreve em “A Raça futura” um romance entre um homem da superfície com uma entidade feminina dos mundos subterrâneos que lhe mostra como está organizada a sua Sociedade onde vive com um nível social, tecnológico e espiritual bastante avançada em relação a nós;

James Hilton, no livro Horizonte Perdido, fala-nos de uma região inóspita nos Himalaias que se denomina Shangri-Lá onde impera a harmonia dos seus habitantes que supostamente teriam descoberto há muito o “elixir da longa vida”…
Helena P. Blavatsky, a grande teosofista , escreve inúmeras obras nas quais Ísis Sem Véu e A Doutrina Secreta, que falam de um lugar onde se encontram os Santos Sábios no Governo Oculto do Mundo.
Saint-Yves d´Alveydre, na sua obra Missão da Índia fala-nos minuciosamente de um reino de Agharta e todos os seus aspectos hierárquicos, filosóficos, sociológicos, políticos e tecnológicos, duma grande Sociedade que se localiza no interior da Terra;
Ferdinand Ossendowski, na sua obra sobre Animais, Homens e Deuses, fala-nos das suas viagens pelo Oriente e dos relatos antigos relacionadas com os Mundos Subterrâneos e o enigma do Rei do Mundo e das suas profecias;
Alice Bailey, fala-nos de Shamballah, Lugar Sagrado no Centro do Mundo onde se situa um “Sol Central” (com 960 Km de diâmetro), cuja luz origina as chamadas Auroras Boreais e Austrais através dos Polos, e não o Sol a 150 milhões de Km da Terra;
René Guénon, em o Rei do Mundo, fala-nos das inúmeras tradições em todo o planeta que descrevem a existência de Agharta e de Shamballah, assim como das cavernas e túneis subterrâneos que se perdem nas profundezas da Terra, Gaia ou Urântia, como também é conhecida;

Mas foi Raymond Bernard, Nicholas Roerich e Alexandra David-Neel, que deram o melhor contributo em prol da divulgação dos Mundos Subterrâneos e bem assim Henrique José de Souza (JHS), no seu livro O Verdadeiro Caminho da Iniciação, onde fala abertamente de um País Maravilhoso com suas 7 cidades no interior da Terra, conhecido por Agharta (AG – Fogo; HARTA – Coração) havendo outros dois reinos mais à superfície conhecidos por Badagas e Duat.

MAIS SOBRE A TERRA OCA
A ESSA estava longe de suspeitar que suas fotos no inicio de 1970, Administração do Serviço de Ciência e Meio Ambiente (ESSA), que pertence ao departamento de Comércio dos Estados Unidos, divulgou para a imprensa fotografias do Pólo Norte tiradas pelo satélite ESSA-7 em 23 de novembro de 1968. Uma dessas fotografias mostrava o Pólo Norte com um imenso buraco ou abertura para seu interior. A ESSA nao imaginava que suas fotos rotineiras de reconhecimento atmosférico fosse contribuir e despertar uma das controvérsias mais sensacionais a respeito da Terra Oca e dos Ovins. Na revista Flying Saucers, de Junho de 1970, o editor e ufólogo Ray Palmer reproduziu as fotos do satélite ESSA-7 junto com um artigo em que ele abordava a questão dos Intraterrenos ou de uma civilização mais avançada do que a nossa desde há milhares de anos, bem conhecida de resto pelos lamas ou monges tibetanos.
O vice-almirante Richard E. Byrd da US NAVY foi um destemido aviador, pioneiro e explorador polar, que sobrevoou o Pólo Norte em 9 de maio de 1926, e dirigiu numerosas expedições à Antártida, incluíndo um vôo sobre o Pólo Sul em 29 de novembro de 1929. Entre 1946 e 1947, levou adiante a operação em grande escala chamada High Jump (Pulo Alto), durante a qual descobriu e cartografou 1390000 km2 de território antártico. As famosas expedições de Byrd entraram pela primeira vez na controvérsia da Terra Oca quando vários artigos e livros, especialmente Worlds Beyond The Poles (Mundos Além dos Pólos), de Amadeo Giannini, afirmavam que Byrd na realidade não voou por cima do pólo, mas sim dentro dos grandes buracos que levam ao interior da Terra. * sobre Almirante Byrd e o diario de bordo*

Continuar lendo

Anúncios

Quando o Sol Bater na Janela do Seu Quarto – Legiao Urbana

Esta musica tem uma mensagem incrivel, Renato Russo teve e TEM muito a que nos dizer, deveriamos ouvir suas musicas e letras com muita atenção e entende-las! Essa é umas das musicas que nos faz lembrar quem Somos, e outras que nos faz despertar para Igualdade, Amor, Justiça…
Videos:
Quando o sol bater na janela do seu quarto

Perfeiçao

O senhor da guerra

Documentário sobre Chemtrails: Que demônios estão fumigando?

Um filme, com o titulo original “What in the World Are They Spraying?”.

Quase todo mundo já viu aviões cruzando céus deixando rastros brancos por trás que se estendem de horizonte a horizonte, convertendo com o tempo em uma nuvem escura, ou de outra cor. Se isso é somente vapor dos reatores do avião, fica a dúvida, porque ninguém questiona: Quem esta fazendo e Por que.
Dessa forma, esse vídeo pretende abrir uma porta sobre esse assunto de “chemtrails”.

Esta é a historia de uma indústria em rápido desenvolvimento chamado de geo-engenharia, impulsionada por científicos, empresas, e a intenção dos governos sobre a mudança climática global, o controle do clima, e a modificação da composição química do solo e a água – todos supostamente para o melhoramento da humanidade. “Eles” insistem que está em fase de discussão, mas a evidencia é que se começou desde 1990.